RSS

O outro lado da moeda das nossas escolhas

O outro lado da moeda  das nossas escolhas

     Todos nós ja sabemos que toda decisão tem dois lados, o lado bom e o lado ruim mas será que avaliamos os dois lados?

         Eu fico muitíssimo preocupado quando alguém vem me contar que escolheu o seu novo emprego , a nova namorada, a nova casa, o novo carro, etc, eu percebo que  somente frisam o lado bom da escolha criando uma narrativa dos fatos que a levaram a fazer tal escolha mas noto que somente os pontos positivos são ditos e os negativos ficam ocultos.

  Mas aonde está o outro lado da moeda?

      A nossa maior dificuldade é ver o outro lado da moeda porque somos criados a vermos somente o lado bom ou seja o lado que nos atraiu e negligenciamos o outro lado,e por causa disso  criamos uma certa fantasia em relação a vida por não conseguir enxergar de forma macro a nosa escolha.

      Se você escolheu se casar,  mudar de casa ou viver em outro país tente buscar o lado dolorido dessas escolhas para que você tenha uma visão mais crítica dentro de parâmetros claros, porque cada escolha errada irá refletir diretamente no propósito das nossas vidas causando perda de dinheiro, perda de tempo e perda de energia, não se encante pelas propostas tentadoras , julgue primeiro em seu coração e faça a escolha certa.

     Nem toda boa oportunidade  é de Deus  e nem toda porta fechada é o diabo ,mesmo que a proposta seja aos seu olhos uma benção cultive a pratica de ver o outro lado da moeda e se você esta disposto a viver os sacrifícios e renuncias que estão embutidas na sua escolha.

      Uma Escolha certa é o primeiro passo para quem quer vencer, pouco importa os seus talentos ou seu nível de escolaridade, se você escolheu errado vai pagar o preço além do que deveria pagar.

 Existem escolhas que nos deixam quase sem saída.

 Cultive esse senso critico em sua vida para que tenhas um futuro promissor.

       Está disposto a rever o outro lado da moeda?

    

    Todas escolhas produzirá  beneficios e sacrifícios . Pense nisso!

 

Do irmão

 Marcio

 

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 02/10/2011 em Devocional

 

Boa musica!

Amados irmãos,

Vivemos um momento de profundo desespero de boas musicas e boas letras. Todo ano lotam as prateleiras de CDs que dizem a mesma temática porque não querem arriscar a cantar aquilo que não será líder de vendas… Infelizmente existe ainda pessoas que ouvem as tendências do mercado fono  mas para alivio veio esse CD … então vai aí para aqueles que querem ouvir uma musica boa .

Rafael Araújo, eu recomendo!!!

http://www.youtube.com/watch?v=-xTR9m7ITzQ&NR=1

Sejam abençoados!!!!!!!!!!!!!

 
Deixe um comentário

Publicado por em 24/09/2011 em Estudos

 

Como formar uma vida .

Introdução

     O mais importante o trabalho de uma pessoa é o produto final. A finalidade do trabalho pastoral é a formação de vidas. Portanto todo pastor deve conhecer bem seu ofício, a tarefa que deve realizar. Pregar, ensinar, fazer reuniões, retiros, estudar, aconselhar, visitar, etc. são atividades que o pastor realiza, porém nenhuma delas é um fim em si mesma.

      São meios que o pastor usa com o fim de alcançar seu objetivo, que é formar a vida dos que estão a seu cuidado. Paulo diz em Cl 1:28 “a fim de que apresentemos todo homem perfeito em Cristo”. Esta deve ser a nossa aspiração.

      Todo líder cristão deve ter objetivos claros , concretos, precisos e metas a alcançar nas vidas que estão a seu cuidado.  Também deve saber conduzi-las a essas metas; ou seja deve determinar os passos práticos para alcançá-las. É a forma para exercer fé sobre uma vida; se não sabemos aonde conduzir uma pessoa, tão pouco podemos cobri-la com fé. Toda pessoa que está sendo conduzida por um pastor, deve sentir-se segura de que está frente a alguém que sabe conduzi-la.        I

A Maneira de Viver 1Pe 1:18 “Sabendo que não foi com coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados da vossa vã maneira de viver, que por tradição recebestes dos vossos pais.”               

       O que é a maneira de viver ? 

     Consideraremos 4 aspectos da maneira de viver: 

     Estilo de vida ( gostos e costumes )

     Conduta ( o que fazemos e dizemos )

     Forma de pensar ( escala de valores )

      Forma de ser ( traços de caráter )

      Toda essa maneira de viver herdamos de nossos pais, antepassados, familiares, pessoas que nos rodeiam e de nossa história. Com todo esse peso, carga e passado a pessoa chega ao Senhor. Só uma profunda mudança de atitude e uma fé genuína na eficácia da obra da cruz lhe farão romper com o seu passado.

      Um evangelho aguado é ineficiente para romper com o passado. Só o evangelho do reino, apresentando Jesus como Senhor, dá bases sólidas para edificar bem uma vida.

 Os alicerces da edificação

1) Jesus Cristo Rei Ao começar a viver no reino de Deus, cada um deve Ter a plena consciência de que está sendo introduzido em um governo com autoridade, onde Jesus Cristo é o legítimo Rei e Senhor.

      É um governo com leis, estatutos, ordenanças, onde há autoridade delegada da parte de Jesus. Se uma pessoa não reconhece autoridade, não se pode edificá-la.

 2) Mudança de atitude A atitude rebeldia e independência deve ser deixada e substituída por uma atitude de submissão e dependência. Uma boa definição de conversão é troca de governo. O problema que se tem originado em muitos casos que queremos edificar muitas pessoas rebeldes e independentes, ou seja, que não mudaram de atitude.

 3) Confissão de pecados Toda pessoa trás de sua “velha maneira de viver” uma bagagem de pecados, trevas, culpas e situações que não sabe como resolver. Deve confessar essas coisas com o fim de alcançar os seguintes resultados: Para ser curado interiormente. Para resolver com justiça toda situação que tenha ficado pendente ( ex: fraude, roubo, adultério). Para não dar lugar a Satanás ( ele sabe como tomar vantagens quando há áreas ocultas ) Para avançar mais rápido na edificação da vida ( as vezes, com alguns, para se ter um crescimento mais rápido, basta conhecer algum conflito do passado que tenha formado complexos, etc. ) Para tirar o peso da culpa ( a crescente sensibilidade da pessoa frente a verdade de Deus a faz sentir mal por seus pecados do passado )

4) Batismo nas águas Morte e sepultura para a velha maneira de viver e para um passado deixado definitivamente. Ressurreição para uma nova maneira de viver ( ” as coisas velhas ficaram para traz e eis que tudo se fez novo” )

 5) Plenitude do Espírito Santo O Espírito Santo faz dócil a palavra ao que recém ingressa no reino de Deus. Revela a verdade e a vontade de Deus contidas na palavra. Agora a pessoa está pronta para ser edificada na nova maneira de viver. Se não a edificarmos, os velhos esquemas, os vícios de caráter, etc., surgem novamente, e só o que se consegue são homens e mulheres desformes.

 II – Edificando em Bases e Metas Adquirindo uma nova mentalidade Se ao pensar na igreja nos limitamos à reunião dominical, aos grupos familiares, nos enganamos. A mudança na edificação das vidas se produz quando tomamos plena consciência que estamos formando e levantando uma comunidade, um povo.

       Tudo então tem um novo valor, até as coisas mais pequenas e naturais da vida são importantes. Já não nos preocupamos somente com a conduta, os aspectos espirituais e o serviço na igreja, mas com tudo que diz respeito a vida de um povo. ( ex: uma correta linha de valores, pagamento de impostos, melhoria de vida, descanso, saúde, alimentação, administração do dinheiro, piedade, testemunho, etc. ) Metas incorretas

1) Manter um grupo de pessoas Se esta é sua meta deve converter-se em um pastor “showman”. Cada semana deve ter uma novidade a entregar ao povo: Deve ter uma mensagem eloqüente e nova. Deve saber mover a massa, tocando suas emoções, sujeitando a temor, estimulando a tradição.

2) Chegar a ser um grande pregador É um meio, mas não é um fim. 3) Limitar-se a resolver os problemas do povo Alguns tem seu próprio consultório, outros visitam as famílias que tem problemas. Alguns pastores praticam a psicanálise. Edificar é mais que resolver problemas pessoais, é completar o que falta para alcançar a meta proposta 1Ts 3:10

 Metas corretas

1) Formação do caráter : humildade, mansidão, generosidade, temperança, etc.

 2) Estabilidade econômica : trabalho, vivência digna

3) Família feliz

 4) Relação correta com Deus : vida de fé e orientação do Espírito Santo.

 5) Boas obras : servir, ser eficiente na extensão do reino de Deus. Apelo à Fé: Tenha em alta estima o ministério pastoral, esse é o meio escolhido por Deus para dar forma ao seu povo.

      Tenha em alta estima a visão que Deus tem dado ao seu povo, não se conforme com algo menor do que Deus quer. Homens de fé, cheios do Espírito Santo fazem falta para este grande plano de Deus.

III – Métodos para Alcançar as Metas Estabelecer metas corretas Determinar os passos a dar para alcançá-las Quando temos metas corretas, claras e definidas, para uma pessoa, devemos logo determinar os passos a serem dados para alcançá-las. Além disso, analisar o valor da meta e o esforço que se vai empregar.

      Em alguns casos podemos determinar o tempo que vai tomar. São necessários: tempo, esforço e trabalho para chegar a uma meta feliz. Sempre devem ser consideradas todas as opções possíveis. Quando há claridade sobre aquilo que se quer alcançar (objetivos), então se deve determinar os passos para a conclusão. Exemplos:

1) Um irmão necessita de um terreno para construir sua casa Uma solução correta depende de sua renda mensal, além dos bens e recursos que tem. Podemos considerar as seguintes opções: Pode construir sobre terreno dos pais ou sogros Pode comprar um terreno e construir Pode comprar um terreno em sociedade com outras pessoas e dividi-lo Pode comprar uma casa já construída

2) Um irmão com pouca renda mensal Um irmão casado, com três filhos, operário de uma empresa, com 32 anos de idade. Fiel ao Senhor com toda sua família, porém sua renda mensal é baixa. Não pode melhorar sua casa e vive de fora muito ajustada. Uma solução é trabalhar mais horas ou procurar arranjar um “bico”. O mal desta solução é que repercute muito sobre outras áreas da vida ( relacionamento com a esposa, filhos e a obra do Senhor ). Uma solução melhor para este tipo de problema é aprender um ofício que lhe renda mais que o atual. Se há uma escola poderá estudar ou então aprender com alguém que tem o ofício.

 3) Um casal jovem Os dois são noivos, fiéis ao Senhor, sujeitos ao senhorio de Cristo e querem se casar. Ele tem 23 anos, não tem bens nem ofício. Começamos a fixar metas para sete anos, ou seja, quando ele tiver 30 anos.

 O que ele deve ter alcançado com esta idade.?

Trabalho – meta: seu próprio negócio. Terreno – meta: sua própria casa. Noivado – meta: casamento Obra do Senhor – meta: formar vidas e liderar um grupo.

5) Um casal com problemas de caráter Não se toleram entre si, estão a ponto de separar-se. Fazer com que os dois tenham confiança em quem os aconselha Colocar disposição nos dois para buscar a solução dos problemas Compartilhar fé a seus corações Fixar metas com respeito ao caráter.

        Por exemplo para o homem: Fazer uma lista das coisas que acha que está mal Fazer outra lista com as características que gostaria de Ter Logo fixar-lhe metas: Para que a esposa lhe honre Para ser o homem que gostaria de ser Autodisciplina Método para formar uma vida

 1. Sujeição, relação de amor e cuidado.

2. Diretrizes claras e específicas Instrução específica : é a que se dá somente para uma determinada situação Instrução progressiva : toda instrução deve ser dada com o fim de chegar a uma meta; portanto devemos ter instruções corretas para dar. Quarto níveis de instrução: Básica Pelos problemas Formativa ( como a pessoa deve ser segundo a ordem de Deus ) Para alcançar maturidade

3. Oração, dependência do Senhor, direção do Espírito Santo 4. Companheirismo ( fazer tarefas juntos )

5. Descobrir seu dom particular, animar-lhe, estimular-lhe a fé

6. Avaliar os resultados

 IV – Trabalhando com a Visão do Futuro Não edificamos somente para hoje. Lançamos as bases da igreja do futuro. Faça esta pergunta: Como quero ver a igreja dentro de 5, 10 ou 20 anos ?

Esta pergunta só terá resposta adequada se adquirirmos uma mentalidade de que estamos edificando um povo. Áreas que devemos cobrir: Em uma família O propósito de Deus para com o homem A ordem de Deus no lar Marido como cabeça da família A vocação da esposa e mãe A Criação dos filhos A relação sexual A administração econômica Uma vivência digna Em um varão Ofício, profissão Estudo Serviço constante, não só ocasional Em um jovem Estudo, trabalho, ofício Noivado, tratamento para com o sexo oposto Vícios secretos, santidade

 V-Formação do caráter Responsabilidade pessoal Em sua casa Nas tarefas de sua responsabilidade Administração do dinheiro Higiene Domínio próprio ( mente, gula, horários ) Sujeição aos pais, patrões e líderes Respeito à consciência Superação em todas as áreas ( que adquira uma mentalidade de conquista ) Atuar com fé em todas as circunstâncias (todo cristão deve viver com esperança) Homens e mulheres transbordantes do Espírito Santo Alentar e desenrolar a iniciativa própria. Com os cinco dedos da mão recordamos as áreas básicas que devemos cobrir: Polegar: Senhorio de Cristo ( evangelho do reino, batismo nas águas e no Espírito Santo, a meta ) Indicador: Relação com Deus ( oração, adoração, louvor, leitura bíblica, confissão de pecados, orientação do Espirito Santo ) Médio: Serviço ( boas obras, fazer discípulos, o povo de Deus, a unidade da igreja ) Anular: A família Mínimo: Economia, administração, trabalho, estudos, mordomia. Comunicar estas verdades é lançar o fundamento e edificar uma vida. Devemos dedicar especial atenção ao ensinamento que se dá a uma pessoa, porque será o Fundamento. De acordo com o primeiro ensinamento que uma criança recebe é determinado o desenrolar de sua vida. Se uma pessoa se converte em um grupo ritualista, o mais provável é que a pessoa se torne ritualista.

       O primeiro ensinamento faz uma marca muito forte. Nome sobre todo nome É o nome de meu Cristo Diante de tão glorioso nome Todos se prostrarão. Todas as forças das trevas, Toda a humanidade Todos os céus e suas potestades, Todos se prostrarão. Nossos olhos lhe contemplam, Nosso coração lhe adora, Nossa língua proclama: Jesus Cristo é o Senhor.

 (Jorge Himitian)

 
Deixe um comentário

Publicado por em 20/09/2011 em Estudos

 

Em busca de novos homens

A paz de Jesus amados!

    Tenho a impressão que Deus está literalmente buscando novos homens nessa Terra.

características do novo homem. 

Largaram o velho homem e a velha cobiça. 

São pessoas altamente normais,

Tem uma personalidade purificada e um caráter idôneo

Possuem um discurso que não vai além do seu viver diário

Não fazem invenções para atrair a atenção de outros.

 Não se sentem bem quando a injustiça reina

Não oram por comida,  bebida, emprego, bens, ministérios poderoso, somente oram buscando a santa vontade do Pai.

Se cansaram de serem ativista tentando buscar a vontade de Deus em meio as atividades,

Sabem que Deus quer um relacionamento pessoal e não um ajuntamento de pessoas apenas.

Deus ainda espera por ti.

Deus te abençoe amados!

 

 
Deixe um comentário

Publicado por em 06/09/2011 em Estudos

 

devocional nesta segunda

Bom dia aos santos

Existe um leve desespero por parte da igreja em buscar por novos talentos, novas caras, novos comediantes que fazem a sua plateia rir e chorar com seus espetáculos,creio que isso não seja novidade para ninguém.

Confesso que me sinto fraco depois que saio de um culto voltado para o entretenimento, aonde a palavra de Deus é maquiada e sem falar dos cantos que matam todo o ensino de Cristo. Estamos vivendo dias de misericórdia mas tudo tem um fim e não podemos aguardar Deus vomitar os  acomodados, saia dessa vidinha gospel e lute contra a sua carne que ainda se encanta pelos prazeres desse mundo

Deixo esse texto abaixo para uma reflexão neste segunda

paz a todos

Portanto, meus amados irmãos, todo o homem seja pronto para ouvir, tardio para falar, tardio para se irar.

Porque a ira do homem não opera a justiça de Deus.

Por isso, rejeitando toda a imundícia e superfluidade de malícia, recebei com mansidão a palavra em vós enxertada, a qual pode salvar as vossas almas.

E sede cumpridores da palavra, e não somente ouvintes, enganando-vos com falsos discursos.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 29/08/2011 em Devocional

 

Reflexoes sobre suborno

Definição:

    Está na moda a prática do suborno, vemos os vizinho cometendo suborno, os amigos contando como se fosse a maior vantagem o suborno que fizeram ao policial, enfim o suborno realmente se criou em nosso meio afetando toda credibilidade de nossa conduta.

     Esse mal costume vem sido praticado desde dos homens mais importante do Brasil até o menor infrator, todos tem cometido esse mal costume.

       A definição de suborno é a prática de prometer, oferecer ou pagar a uma autoridade, governante, funcionário público ou profissional da iniciativa privada qualquer quantidade de dinheiro ou quaisquer outros favores para que a pessoa em questão deixe de se portar eticamente com seus deveres profissionais. Temos também a famosa propina que é especialmente usada quando as quantias envolvidas não são elevadas.

        A consequência desse mal é descrita no livro de Êxodo que ataca de forma direta para manter vivo na memória do povo hebreu as Leis do Senhor através da figura do legislador e condutor, o patriarca Moisés.

Leia êxodo 23:8

‘‘Também suborno não tomarás; porque o suborno cega os que têm vista, e perverte as palavras dos justos’’.

As consequências do suborno.

 Deficiência na visão – A pratica do suborno deixa a visão desfocada, perde o foco que tinha anteriormente e começa a ser guiado e não a ser guia.

A palavra do Justo – Fica corrompida, desmoralizada,depravada e alterada devido a pratica do suborno.

Não seja mais um justo contaminado ,seja limpo !

 ‘‘Se sua vida não combina com as suas palavras abrace o silencio’’

 Paz

 
Deixe um comentário

Publicado por em 18/08/2011 em Devocional

 

O pesado julgamento do Cristão na otica de Mateus 7

 Introdução.

       O cristão sem Cristo tem por ‘‘hobby’’ fazer julgamento de tudo e de todos não é verdade? Criamos divisões e limitamos o agir do Espírito Santo por causa dos nossos atributos de JUÍZ. Na verdade segregamos mais do que ajuntamos, destruímos mais do que consertamos por causa do nosso julgamento.

      A sociedade não perde uma oportunidade de denegrir a imagem de um cristão, porque o mesmo critério que usamos para medir eles, com certeza eles usarão as mesmas medidas em nossas vidas resultando em escândalos e mais escândalos.

O que é julgamento?

 No inicio do capitulo de Mateus 7 podemos notar o nosso Mestre Jesus anunciando um sermão que retrata um sério pecado. Eu não preciso falar mais nada a respeito disso mas só quero ressaltar alguns pontos relevantes desse sermão.Leia o sermão.

‘‘Não julgueis, para que não sejais julgados’’.

‘’Porque com o juízo com que julgardes sereis julgados, e com a medida com que tiverdes medido vos hão de medir a vós’’.

      O termo julgamento geralmente se refere as avaliações que temos para formar uma opinião, mas todo julgamento poderá ser incompleto, inconsistente e passível de erros.

       Jesus inclui em suas declarações que julgar não é via de mão única ou seja a mesma pessoa que está julgando será julgada com os mesmo critérios.

       Porque será que vemos a misericórdia de Deus mais nítida na vida de alguns do que de outros? Leia o texto abaixo.

‘‘Bem-aventurados os misericordiosos, porque eles alcançarão misericórdia’’ – Mateus 5:7

       Esse texto é bem claro ao dizer que os bem aventurados usaram a misericórdia como medida por isso alcançaram misericórdia. Nós precisamos ser misericordioso para obter a misericórdia de Deus, não existe outra formula amado.

        É maravilhoso ver que tudo o que nós recebemos na vida está intimamente ligado ao que nós fizemos na vida do próximo, se fomos juízes sem misericórdia então não teremos misericórdia quando formos julgados!

        A medida exata.

      Certa vez Jesus foi tentado a concordar com os acusadores que queriam uma aprovação Dele contra uma mulher que cometeu adultério, leia João 8: 5-11.

‘‘E na lei nos mandou Moisés que as tais sejam apedrejadas. Tu, pois, que dizes? Isto diziam eles, tentando-o, para que tivessem de que o acusar. Mas Jesus, inclinando-se, escrevia com o dedo na terra’’. E, como insistissem, perguntando-lhe, endireitou-se, e disse-lhes: Aquele que de entre vós está sem pecado seja o primeiro que atire pedra contra ela. E, tornando a inclinar-se, escrevia na terra. Quando ouviram isto, redargüidos da consciência, saíram um a um, a começar pelos mais velhos até aos últimos; ficou só Jesus e a mulher que estava no meio. E, endireitando-se Jesus, e não vendo ninguém mais do que a mulher, disse-lhe: Mulher, onde estão aqueles teus acusadores? Ninguém te condenou? E ela disse: Ninguém, Senhor. E disse-lhe Jesus: Nem eu também te condeno; vai-te, e não peques mais’’.

 O que Jesus fez diante do fato?

Jesus denunciou o pecado dos juízes , ele inverteu os valores e mudou o cenário. 

 ‘‘Porque o juízo será sem misericórdia sobre aquele que não fez misericórdia; e a misericórdia triunfa do juízo’’. Tiago 2:13

 Essa é a medida certa ,não se molde a esse mundo, seja misericordioso em seu julgamentos !

SEJA COMO JESUS! 

Conclusão

     Em nossos dias não tem sido diferente desse quadro, vivemos constantemente com situações semelhantes a essa aonde homens tem se fantasiado de ‘‘juizes gospel’’ querendo que a pena seja mais severa possível para o pecador indefeso.

      Os dias tem sido lamentáveis porque os que produzem mais pecados contra a santidade de Deus talvez sejam esse juízes gospel que se escondem dentro de uma imunidade sacra, eles construíram uma mentalidade que nada pode acusa lo ou ditar seus defeitos, são imunes a toda forma de julgamento. Esses indivíduos são a elite cristã que subjuga o povo os fazendo de fantoches, corrompendo o sermão de Mateus 7.  

      São ótimos julgadores da lei de Moises mas não se colocam na figura de Jesus, se esqueceram dos estatutos de Cristo, fugiram da Sã doutrina !!

Os nossos dias tem sido de juízes sem misericórdia que abate o pobre pecador. Pregue a misericórdia e viva segundo a Sã doutrina !!!

A paz

 
Deixe um comentário

Publicado por em 08/08/2011 em Devocional